terça-feira, junho 30, 2009

Depois de mimosamente ignorados na Europa, os Dirty Projectors, um projecto onde deve ter tocado metade de Brooklyn, incluindo membros dos Vampire Weekend, com a assinatura pela Domino Records, têm a atenção que merecem. 'Stillness Is The Move', é o primeiro máxi-single do mais receete disco "Bitte Orca", e o primeiro na Domino Records. Curiosamente, este é o único tema do disco em que David Longstreth, o mentor dos Dirty Projectors, partilha a composição com alguém.



Realizador: Matthew Lessner

What A Bum...A Beetlebum

Blur / Loja Rough Trade / 15 Junho de 2009

Tocaram:

She's So High
Girls And Boys
Advert
For Tomorrow
End Of A Century
Beetlebum
Coffee And TV
Tender
Out Of Time
Popscene
Song 2
Parklife
This Is A Low


Vídeo oficial (publicado pela banda)



Vídeos de um fã:










Com A Garantia Garnier

Este, "Pay Tv", é o terceiro single (não é?) de "Tales of a Kleptomaniac", o último disco de Laurent Garnier.


segunda-feira, junho 29, 2009

O.CRIANÇAS

Tobias (voz), Gauthier (guitarra), Harry (baixo), Sleath (bateria) são os O.Children (será inspirado no tema de Nick Cave?), da Grã-Bretanha, e editaram apenas um single com os temas "Dead Disco Dancer" e "Dead Eye Lover". Membros dos O.Children, como Tobias, já faziam parte de uma anterior banda, Bono Must Die, por onde também passaram um dos membros dos Klaxons e dos Crystal Castles.

Eles tanto me lembram os primórdios dos New Order como dos Simple Minds.

MySpace: O.Children


O.Children - "Dead Disco Dancer"


Mania de Lizt no Jimmy Kimmel

Felizmente os Phoneix não são uma daquelas bandas absurdas, que cantam e batem palminhas sobre 98% dos instrumentos pré-gravados. Os Junior Boys são um belo exemplo disso.

Phoenix - "Liztomania"



Ao vivo, "Hazel", dos Junior Boys, é este (ver abaixo) triste espectáculo. O que é isto, uma festa karaoke?

sexta-feira, junho 26, 2009

"Thriller" por Ben Gibbard (Death Cab For Cutie)

Republic Tigers Com Novo Vídeo

Para quem adorou o single "Buildings and Mountains", de 2008, dos The Republic Tigers, há um novo vídeo para "Made Concrete", um tema já de 2007.

The Republic Tigers - "Made Concrete"

Homem Tigre tem vídeo com Asia

Tigerman - "LIFE AINT ENOUGH FOR YOU" com ASIA ARGENTO

The Weatherman no Santiago Amanhã

A não perder, The Weatherman, amanhã no Santiago Alquimista pelas 23:30h.


Back to Life com os Radio Dept.





Os suecos Radio Dept. estão de regresso com "David", que é belíssimo, e mais três temas. E como na Suécia as coisas fazem-se de modo diferente, a sua editora, a Labrador, apesar de ter o single-ep para venda, oferece o download do tema principal, no seu site, para quem quiser.


Radio Dept. no MySpace

Link para o tema homónimo de "David"

Michael Jackson o Rei da Pop (e do Rock)?

Com a morte de Michael Jackson, estive a pensar alto, com um amigo, sobre os guitarristas rock que ele contratou para trabalhar consigo:


- Eddie Van Halen em "Thriller" (o solo de "Beat It" é dele);

- Steve Stevens (a mente das guitarras dos maiores sucessos de Billy Idol) em "Smooth Criminal";

- Slash "Give It To Me" e "Black or White";

- Carlos Santana.

Jackson com Slash

quinta-feira, junho 25, 2009

Michael Jackson (29/08/1958 - 25/06/2009)

Michael Jackson faleceu em Los Angeles depois de complicações cardíacas. Ele tinha 50 anos. Que o lembremos sempre pelo seu enorme talento.







quarta-feira, junho 24, 2009

Andy Hughes (1965-2009)

Faleceu Andy Hughes, dj, produtor, músico mas mais conhecido como um dos membros dos The Orb. Iniciou-se apenas como produtor deste projecto, dos inícios dos anos 90, mas acabou por se tornar também um dos membros da banda até 1999. Ainda em 1999, lançou um disco a solo, "em:t 0003" com a colaboração de diversos artistas. Em 2000, misturou o primeiro volume da série Altered States.

Andy Hughes faleceu no dia 12 de Junho, devido a colapso do figado, mas só ontem foi divulgado, pela sua família e agente, o seu falecimento.

Que descanse em paz numa "little fluffy cloud". Obrigado!

terça-feira, junho 23, 2009

segunda-feira, junho 22, 2009

A Pensar no Verão - Parte IV : Two Door Cinema Club

Uma banda com três membros com potencial para serem o vocalista principal é raro e ainda mais raro quando nenhum deles tem jeito para a bateria. Eles existem, sem baterista (bem, na verdade, o baterista é um laptop), e são o Alex Trimble (voz e guitarra), o Kevin Baird (voz e baixo) e Sam Halliday (voz e guitarra). Eles são de Bangor, uma cidade costeira, com marina, na Irlanda do norte, perto de Belfast.

Os Two Door Cinema Club, apesar de só terem meia dúzia de canções ou pouco mais ("Do You Want It All?", "Hands Off My Cash, Monty", "Undercover Martyn", "Cigarettes in the Theatre”, "Too Much Coffee", "the Black Box"), um EP e um disco novo, que vai acontecer quando puder ser, têm agora um single, o seu tema mais forte, "Something Good Can Work", lançado pela Kistuné e também incluído na compilação nº 7 da editora francesa.

Se visitarem a banda no MySpace e subscreverem a sua newsletter, receberão gratuitamente o download de "Hands Off My Cash, Monty".

Two Door Cinema Club - "Something Good Can Work"
(vídeo realizado por Brian Philip Davis)




Two Door Cinema Club - Undercover Martyn
(vídeo realizado por Brian Philip Davis)

sexta-feira, junho 19, 2009

A Pensar no Verão - Parte III - Chez Kitsuné

Maison Kitsuné está aí com o Volume 7 do que tem sido uma fabulosa colecção. Este tema pelos Crystal Fighters é um dos que vem nela.

CRYSTAL FIGHTERS - XTATIC TRUTH



Já agora, o divertido "teaser" para o compilação:

Respostas Fáceis

Eu gosto de (projectos que não têm definição. Os These Are Powers são um deles. Quem os conhece já sabe que eles são um trio com pés assentes em duas cidades: Nova Iorque (Brooklyn) e Chicago. Eles são urbanos mas tribais. Misturam casiotones com canas, rituais ancestrais com a urbanidade global. São punk que dá para dançar e são pop que dá para "rockar". Os concertos deles garantem a insanidade ao ser mais são à face do planeta ou "your money back".

Do seu disco "All Aboard Future", há o vídeo "Easy Answers", realizado por Jacqueline Castel.



Acho interessante a explicação do vídeo cedida pela editora:

"The video for These Are Powers song Easy Answers was jointly inspired by the annual Ghost Festival held every August in China and the Chinese folkloric tradition of burning joss paper after the death of a relative or loved one. Joss paper has long been burned ceremoniously as an offering to the dead, representing all of the worldly goods that spirits may desire in the afterlife, including intricately detailed miniature paper replicas of mansions, BMW convertibles, laptop computers, karaoke VCRs, and large denomination hell bank notes or ghost money. Once burned, these items are believed to join the deceased loved ones in heaven, and for lost spirits who still roam the land of the living, small paper boats and lanterns are bought and released, which signifies giving direction to these restless ancestors."

Crocodiles

Há um novo single, "Crocodile", dos Hatcham Social, retirado do seu disco de estreia, "You Dig The Hole, I´ll Hide the Soil".

quinta-feira, junho 18, 2009

A Pensar no Verão - Part II: Jenny Lewis

A Jenny Lewis pensa no Verão mas anda triste. De qualquer forma, ela ensina-nos qual é a única maneira de gozar e andar na praia sem meter areia nos calções e sujar os pés. Mesmo que a areia seja preta.

Jenny Lewis - "Black Sand" retirado de "Acid Tongue"


A Pensar no Verão - Part I: Animal Collective

Com os 36 graus, ou 37 (quem dá mais), há que pensar em roupas de Verão. Os Animal Collective ajudam, com o novo vídeo do single "Summertime Clothes" (do último "Merriweather Post Pavilion"), realizado e editado por Danny Perez, e com umas perninhas de dança do grupo, de Brooklyn, FLEX.

quarta-feira, junho 17, 2009

José Calvário (1951-2009)

Um homem que ama a música, ama todas as músicas. O maestro José Calvário poderia ter passado ao lado da música ligeira mas, felizmente, não o fez e deu-nos das melhores orquestrações e músicas ajudando a fazer delas clássicos da música contemporânea portuguesa. Em 1971 criou a música para "Flor Sem Tempo" mas provavelmente ficou mais conhecido pela orquestração de "E Depois do Adeus", ambas interpretadas por Paulo de Carvalho, apesar de ter trabalhado com alguns dos valores maiores da música portuguesa dos anos setenta: Fernando Tordo, José Luis Tinoco, José Niza, Carlos Mendes, etc.

O maestro tinha sofrido, em Novembro, um acidente vascular cerebral e encontrava-se internado tendo falecido hoje.

"Flor Sem Tempo" - Paulo Carvalho(1971)


"A Festa da Vida" - Carlos Mendes (1972)


"E Depois do Adeus" - Paulo Carvalho (1974)

Hockey Sem Patins

Ao ouvir estes Hockey, ninguém irá dizer correctamente de onde eles são. É natural que comecem por Londres e alarguem o mapa para Grã-Bretanha. Com a negação, passem a França, e fiquem tentados a chamarem-lhes australianos. No entanto, podem continuar a tentar e, pensando bem, dizem: Brooklyn. Não! Los Angeles? Não! São Francisco? Não! Eles são uma banda de rock dançavel ou electro-rock, ou o que lhe quiserem chamar, que cresceu em Oregon, Portland. Começaram como um duo, em Los Angeles, formados por Ben Grubin, voz, e Jeremy Reynolds, no baixo, mas mudaram-se para Portland e tinham um "look" que mais se aparentava com uma banda perdida dos primóridos do punk. Lançaram o disco de estreia, "Mind Chaos". em 2008. A Capitol/Virgin não perdeu tempo e contratou-os e vai lançar, no fim de Agosto, uma nova versão do disco de estreia, com mais temas e outra produção. Os Hockey, desde que assinaram pela Virgin, têm passado mais tempo na Grã-Breatnha e em digressão pela Europa do que nos EUA.

Estes vegetarianos vão dar que falar.



Vídeo (nova e velha versão) para o single "Learn to Lose"



Alec Passa Por Cá

A notícia do dia (li hoje mas já é de dia 12), li no Wall Street Journal, é sobre Sufjan Stevens e o seu tema "Lonely Man of Winter". E vocês dizem: nunca ouvi falar desse tema. É natural.

Alec Duffy, um director de teatro, de 33 anos, a viver em Prospect Heights, Brooklyn, participou num concurso lançado em 2007, pela editora de Sufjan Stevens, em que o autor da canção de Natal que Sufjan Stevens escolhesse, ganharia os direitos para uma das canções de Sufjan em troca dos direitos da canção premiada. Foi assim que Alec ganhou os direitos para a canção de Sufjan Stevens, "Lonely Man of Winter". E foi assim também que nunca mais ninguém pode ouvir a canção sem se deslocar à sala de estar de Alec, em Brooklyn. O Alec até é simpático porque, por vezes, oferece chá e bolo de chocolate mas há um pré-requisito: têem que levar os vossos headphones porque, Alec, rapaz precavido, não quer correr o risco que algum esperto grave o tema e o coloque na Internet. Alec não leva nenhum dinheiro para ouvirem a canção e, apesar de Alec já ter tido europeus a visitarem a sua sala em Brooklyn, ele vai, este Verão, andar em digressão, pela Europa, com o tema e um computador portátil e com a companhia da sua mulher. Quem sabe (eu não sei), passará por um hotel em Lisboa ou talvez um de vocês estejam interessados em ceder-lhe a sala.

No link abaixo, podem ver um vídeo da reportagem do Wall Street Journal em casa de Alec Duffy. Muito interessante.



Fonte: "Not-So-Easy-Listening: It Takes a Trek to Listen to This Track" Wall Street Journal

terça-feira, junho 16, 2009

Sonic Youth "Sacred Trickster" vídeo

Há vídeo para "Sacred Trickster", dos Sonic Youth, ou, melhor, como destruir uma canção com um péssimo vídeo.

Mais low, em dinheiro e ideias para um vídeo, é impossível. Bué de radical.

Cassetes Won´t Listen Novo Disco Hoje

Está disponível, a partir de hoje, o novo disco,"into the Hillside", de Cassetes Won´t Listen.

O primeiro vídeo é para o tema "Hmmm".

segunda-feira, junho 15, 2009

Music Alliance Pact : Junho 2009




















Aqui está a asscociação, não-pirata, sem fins-lucrativos, de bloggers divulgadores, de vince cinco países (apesar de Espanha, este mês, ter metido atestado-médico), com a sua edição de Junho de 2009.

Este mês, temos, no M.A.P., o primeiro projecto português que divulgamos com um recente prémio internacional, o "Off the Beaten Track", atribuído pelo The Peoples Music Awards (na foto), na Grã-Bretanha. Não é por isso que estão aqui, porque só demos pelo prémio quando eles já tinham aceite o nosso convite.

Os :papercutz são um projecto de Bruno Miguel que existe há cinco anos e que tem sido calorosamente acolhido pela nossa imprensa. Na rádio, infelizmente, além dos programas especializados, têm o mesmo tratamento que os restantes projectos de música portuguesa menos conhecidos, há espaço no programa ou apontamento especializado mas passá-los em "heavy rotation" numa playlist, só quando tiverem êxito lá fora, entrarem num anúncio de operador de telemóveis ou assinarem por uma multinacional.

"Lylac" é o mais recente disco dos :papercutz e tem uma surpresa para os fãs de David Sylvian e Ryuichi Sakamoto. Podem encontrar muito mais informação sobre como obter o disco e sobre a banda e a sua discografia no MySpace.

Para os fãs dos Fanfarlo, vejam a contribuição da Inglaterra deste mês. O novo disco está disponível por um euro.


AMÉRICA: I Guess I'm Floating
4 Janelle MonaeSincerely, Jane
The name Janelle Monae might ring a bell - she has guested on several OutKast songs and recently signed to Diddy's Bad Boy label. After seeing her energetic performance at Bonnaroo a few days ago I can say that she'll be one to keep a close eye on. Even if Sincerely, Jane doesn't do much for you, check out some live clips on YouTube to get the whole picture.

ARGENTINA: Zonaindie
4 Le MicrokosmosEs Un Hermoso Verano Lunar
Guillermo Beresñak and Pablo Retamero got together in January 2008 in Buenos Aires. From this union came Le Microkosmos, an electronic ensemble in constant search for new musical experiences with synths, programming, instruments, vocals and orchestral sampling. This quest led them to create their own cosmos from each sound, such as this acoustic-electronic ballad taken from their brand new album, Y Vas Donde Sonrisas Te Dan Esos Encapuchados De Un Mundo Nuevo.

AUSTRÁLIA: Who The Bloody Hell Are They?
4 Dappled CitiesThe Price
One of Australia's, if not the world's, most exciting indie-rock bands, Dappled Cities are back with their third album, Zounds. It was written and recorded after an extensive period of touring their previous offering Granddance, a classic album in the minds of many critics. The Price is a fantastic taster for old and new fans alike, worthy of immediate playlisting.

BRASIL: Meio Desligado
4 Júlia Says
Júlia Says have just released their second independent EP, Menos é Mais ("Less Is More"), in which the duo go deep inside electronica with some strong influences of dance-rock. The name of the band was taken from a children's story and it's a thing that helps us to connect to the fragile melancholy and beauty of Cá.

CANADÁ: I(Heart)Music
4 WildlifeSea Dreamer
How awesome is this song? So much so that when I saw them perform it during a soundcheck at a show in Ottawa recently, everyone in the room just watched in stunned silence and then exploded in wild cheers when it was done. To put that in context, that kind of thing never happens. But Sea Dreamer, in all its pounding, pulsing, marching-gleefully-into-the-apocalypse glory, is amazing enough to be the exception.

CHILE: Super 45
4 Valentina FelCirco Podrido
Full of aggressive beats, explosive sampling and social protest lyrics, Valentina Fel is the most logical evolution of a riot girl - punk almost in the realm of grime, do-it-yourself attitude with dancehall as a commodity and flamenco-injected defiance. Her long-awaited upcoming debut -to be release in the next few months - promises to be a massive earthquake in the dancefloor that nobody could anticipate.

DINAMARCA: All Scandinavian
4 Vomit SupremeVersus Love
A new project by Mattis Jakobsen and Malte Hill of Straight To Your Face, Rock Hard Power Spray guitarist Frederik Valentin and recently joined by bassist Karsten D. Johansen (Strawberry Slaughterhouse), Vomit Supreme have long been an All Scandinavian favorite. Punk aggression spoon with pop hooks and with the mighty Versus Love spearheading their campaign, world domination should be nigh.

INGLATERRA: The Daily Growl
4 FanfarloI'm A Pilot
I'm A Pilot, the opening track on Fanfarlo's debut album Reservoir, sets the scene for what's to follow. It's a rich, heady brew of heavily orchestrated indie-pop which at times even feels like it's pulling its punches. It's the sound of a young band comfortable in their own grandiosity and as Reservoir carefully unfolds, it's impossible not to be swept along. From now until July 4 you can download the album from the Fanfarlo website for just $1, so you've no excuse for not owning it.

FINLÂNDIA: Glue
4 TV OFFCar Is On Fire
What a summer hit song! Cool and sexy! Singer Sara delivers delicious pop melodies over Markku's electro bits and sounds. This duo from Helsinki are putting the final touches to their debut album, but they have already gained attention around the world, playing in London and Tokyo. Soon TV OFF will take over the world.

FRANÇA: ZikNation
4 Phoenix1901
For too long Phoenix have been overshadowed by Daft Punk and Air, but no more. Even though Phoenix are four albums into an increasingly fruitful career, 1901 is possibly the most immediate and loveable thing they've ever created. An anthem for indie kids, a dancefloor filler for disco dwellers. It's for everyone really.

ALEMANHA: Blogpartei
4 High Voltage HumansLaser Symphony (Catastrophy)
High Voltage Humans are a Munich-based electronic duo. The featured song is heavily energetic and balances guitar riffs with synth melodies sounding a bit like 80s space electro. It's a concrete four-to-the-floor flour-dust explosion.

ISLÂNDIA: I Love Icelandic Music
4 For A Minor ReflectionÓhljóð
For A Minor Reflection are a quartet from Reykjavík who play energetic, melodious, instrumental post-rock. They have earned comparisons to Explosions In The Sky and Godspeed You! Black Emperor. Óhljóð, which means "discordant noise", is taken from their 2007 debut album Reistu Þig Við, Sólin Er Komin Á Loft... ("Rise and shine, the sun's up...") on Blippr.com. Guitarist Kjartan Holm's older brother Georg plays bass in Sigur Rós, whom they supported on tour last year.

IRLANDA: Nialler9
4 Sleep ThievesOsumi
Taken from It Was Only A Satellite, the debut EP from this Dublin three-piece, Osumi showcases the bleep-assisted electronic edge of their sound before diverting into heady post-rock guitar progressions, while singer Sorcha repeats a mantra atop like a prototype Natasha Khan. Their yearning indie-electronic-pop sound is reminiscent of Lali Puna, Broadcast and The Notwist.

ITÁLIA: Polaroid
4 My Awesome MixtapeMe & The Washing Machine
I would have never expected to listen to an Italian band mix diverse sounds such as Anticon and The Postal Service, but when I heard My Awesome Mixtape I just had to change my mind. Infectious melodies and tight grooves, these young kids just seem to be unstoppable.

MÉXICO: Club Fonograma
4 Los AmparitoPor Medio De La Lectura
Los Amparito is the mind-blowing, eccentric and absolutely sublime project of Carlos Pensina. He is relatively well known in Mexico's indie scene for his more electronic act Pepepe, but Los Amparito have enormous potential to break into international boundaries. This sound is like a distorted Mexican mirror of traditional music mashed with its own repetition, flourishing vocals and colorful sequences resulting in something between Animal Collective, Amparo Ochoa and El Guincho.

NOVA ZELÂNDIA: Counting The Beat
4 Lisa CrawleyBrother
Lisa Crawley is a multi-instrumentalist singer-songwriter who stands out from the crowd because of her voice and the playful arrangements of her folk-pop songs. Brother, from her second independently released EP Hello, Goodbye And Everything Inbetween, would be great on the basis of its plinky-plonk piano alone, but it's the trombone that lifts it to another level.

NORUEGA: Eardrums
4 Firetop MountainHow Can You Dance At A Time Like This?
Firetop Mountain are four boys and a girl from the Oslo area, who play indie-rock with a strong melodic focus. Just last week they released their debut album Indians Aren't Afraid Of Heights on their own label. Their music is sometimes powerful and energetic - songs you want to jump around to - and other times more laid-back and sensitive. Good songwriting all the way.

PERÚ: SoTB
4 Mi Jardín SecretoYo No Quiero Bailar Esta Noche
Mi Jardín Secreto's debut album, La Ciencia Y El Arte De La Falsificación, contains 11 songs that flit between new wave, alternative rock and the sound of modern bands. The theme of the lyrics is a mixture of the warmth and coldness of the city of Lima, with characters who have adventures in a place and climate familiar to us all.

PORTUGAL: Posso Ouvir Um Disco?
4 :papercutzA Secret Search
What started as Bruno Miguel's music project is now a trio with female vocalist Marcela Freitas and multi-instrumentalist Francisco Bernardo. After appearances on various international compilations :papercutz are now signed to Montreal's Apegenine label, who released their debut album Lylac in February. In April, they were winners of the 'off the beaten track' category in The People's Music Awards in London.

ROMÉNIA: Babylon Noise
4 Luna AmaraFloodmoses
Luna Amara have been around for almost 10 years, during which they've managed to create an image and a name for themselves in Romania. From mellow alternative to angry metal sounds, their music is powerful and never fails to deliver its message. Floodmoses is taken from their recently released third album Don't Let Your Dreams Fall Asleep.

ESCÓCIA: The Pop Cop
4 The Seventeenth CenturyTraffic
If Arcade Fire's Wake Up moved you to your core then get ready to fall in love with Traffic. It has that soaring choral majesty, that sprawling orchestration and The Seventeenth Century clearly possess ambitions that are no less lofty. Having had a listen to the young Glasgow band's forthcoming In The Place EP, we can say without hesitation that you're looking at the best new band in Scotland.

SINGAPURA: I'm Waking Up To...
4 Concave ScreamFiction
We visit one of Singapore's finest indie bands of the 90s with Concave Scream. Fiction, taken from their third album Three, hints at the flavors of DJ Shadow, The Cure, U2 and Butler-era Suede. It is a fine tune that could sum up the entire record with its use of ethereal vocals, otherworldly chorus-effected guitar lines and a blistering rhythm section. These days, Concave Scream are pushing the envelope of their musical whimsicality by releasing an instrumental fifth album that can be found on their website.

COREIA DO SUL: Indieful ROK
4 The Plastic DayI Miss Me Myself
Post-punk/grunge trio The Plastic Day released their first full-length album, 30 Seconds Between The Dreamer And The Realist, only last month but already they've gotten unusually high coverage in Korea-related English language media online. With an intense rock sound paired with English lyrics, there's no reason why they won't get even further. I Miss Me Myself might be one of the softer songs on the album, but it's one that instantly spawns an impulse to hit the repeat button.

SUÉCIA: Swedesplease
4 Chuck MorganThe Best Of You
I don't know if there's a term for the sound of Chuck Morgan. The last post I did on this Gothenburg-based troubadour tried to peg him as "romantic indie-pop". His new song, The Best Of You, continues that sound but adds even more electronic beeps and blips to the mix.

Para descarrger os 24 temas num ficheiro carreque aqui.

sexta-feira, junho 05, 2009

Can You Grab It?

Os Maccabees têm um novo vídeo para "Can You Give It". Vejam-no e depois eu explico. É um "desporto" que, por enquanto, não encontrarão nos riscos excluídos dos seguros de saúde. Deve ser por pouco tempo.

Maccabees- "Can You Give It"





O que acabaram de ver aconteceu a 25 de Maio e acontece todos os anos em Gloucestershire, no Cooper´s Hill (o Cooper devia ser o rico lá da vila), na Grã-Bretanha, e chama-se Cheese Rolling. Sim, aquela coisa redonda, que inicia a descida antes de toda a gente, é um queijo de 3 a 4 quilos. O prémio para quem apanhar o queijo é? Tentem adivinhar. Bem, é fácil. O prémio é, como estavam a prever, o queijo. O segundo e terceiro prémios são, respectivamente, 10 e 5 libras. A inscrição para a prova é gratuita. Há também provas para mulheres e para crianças com menos de doze anos. As provas para as crianças são no sentido ascendente e ganha o queijo quem chegar primeiro. O segundo e terceiro lugar recebem também 10 e 5 libras, como os adultos.



A logistica da prova envolve toda a gente da vila e há que ter, é claro, uma mestra da confeição destes queijos artesanais, a Dona Diana Smart, de Churcham, um mestre de cerimónias, Rob Seex, os convidados especiais, para atirarem os queijos, e, no fim da descida, os apanhadores de pessoas e sempre algumas ambulâncias. Quando nenhuma das ambulâncias estiver disponível, porque levaram concorrentes ao hospital, as provas param.


Como tem havido um crescente número de inscrições, até internacionais (já há vencedores australianos e neo-zelandeses nas provas) e há um limite de vinte concorrentes por prova, tem aumentado a produção do número de queijos (para atirar monte abaixo) e o número de provas.

O vídeo dos Maccabees foi feito a partir do evento deste ano, que aconteceu no dia 25 de Maio, e a grande questão, para 2010, é se Chris Anderson, o rapaz no vídeo, que este ano foi o grande vencedor de dois queijos, se voltará para o ano, depois de ter anunciado que se iria retirar da competição.



Maccabees:

Outros posts sobre a banda


Reportagem BBC sobre este evento de "Cheese Rolling":
http://www.bbc.co.uk/gloucestershire/our_crazy_county/cheese_rolling/


Fonte para este texto:
http://www.cheese-rolling.co.uk/

quinta-feira, junho 04, 2009

Mica e as Formas

O M que deu o sucesso a Micachu não foi o de Mathew Herbert, que trabalhou com ela, na produção, e editou-lhe um disco em 2007 no seu catálogo, mas o M de MySpace, onde o seu tema "Golden Phone" tornou-se um êxito, em 2008. Em Abril de 2009, a Rough Trade editou o seu primeiro disco, "Jewellery" e agora apresenta o novo vídeo para o êxito "Golden Phone".

Para quem ainda não sabe, Micachu & The Shapes são o projecto de Micachu (Mica Levi), britânica, estudante de composição na Guildhall School of Music and Drama e seleccionada como um de quatro jovens compositores para trabalhar com Mark-Anthony Turnage, compositor residente da London Philharmonic Orchestra, na criação de novas obras para um ensemble da Orquestra acompanhado por jovens músicos. Os Shapes são Marc Pell e Raisa Khan, dois jovens "contratados" por Mica para formar o trio.

Mica (com a t-shirt com shapes amarelas) costumava ter uma franja que lembrava a moça dos Thompson Twins (se é que alguém se recorda quem eles eram).

Podem, ainda, fazer o download gratuito, a partir do MySpace, de uma mix-tape (já não existem cassetes mas o termo ficou) criada por Mica (está do lado direito, em baixo, antes dos comentários).

MGMT dizem que os Kids não estão alright

Os MGMT têm vídeo para "Kids". Tudo o que uma criança não precisa, está neste vídeo. Os monstros e os pais, vendem-se separadamente.


quarta-feira, junho 03, 2009

Uma Regina Por Dia

Ao que parece, de "Far", o novo disco de Regina Spektor, produzido por um batalhão, e que sai a 23 de Junho, temos já outro vídeo para "Eet", depois de ter sido divulgado o de "Laughing With God", o primeiro single do disco.

Silêncio que vai-se ouvir o Blues...Hard Blues

Não sei por quanto mais tempo Angus Young e os comparsas aguentam isto. Esta digressão é de, pelo menos, 19 meses.

1979


2009

terça-feira, junho 02, 2009

We Fell To Earth - Novo Vídeo

Sabem que gosto bastante dos We Fell To Earth, por isso aqui vai mais uma posta. Se não ouviram falar deles, talvez possam começar por aqui .


Primeira Noite de Conan com Pearl Jam

Na primeira noite de Conan O´Brien ao comando do Tonight Show, teve os Peal Jam a tocarem um tema do seu novo disco, "Backspacer". O lançamento do disco está previsto para o Outono.


Young Thrillers

Os suecos, "Peter, Bjorn & John", depois do hit do assobio, "Young Folks", continuam pelo caminho mais difícil, no seu último disco, "Living Things", com o novo single, "It Don´t Move Me", e dão trabalho a um imitador dos movimentos de dança de Michael Jackson.



segunda-feira, junho 01, 2009

Swept Away Por 30 Suecas

The Sweptaways são trinta suecas em coro, literlamente. Este é um coro pela pop. Era mais fino dizer "a capela" mas não me apetece grandes construções.

Elas lançaram o seu primeiro disco em cd-r, em Novembro de 2006, que tinha, como tema principal, "Wuthering Heights", de Kate Bush. Seguiu-se logo o seu primeiro EP, com essa versão de Kate Bush e mais nove temas, entre os quais, "I Want You", dos Kiss, "Let My Shoes Lead My Forward", da sueca Jenny Wilson (ver aqui o link para o vídeo ), "Go West", dos Village People, e "You Don´t Own Me", tema interpretado, por Leslie Gore, no início dos anos sessenta. Depois de uma paragem de dois anos, tendo lançado dois EPS de Natal, em 2007, elas regressaram, este ano, à edição, no mês de Março, com um novo LP, "The Sweptways Show", que já tem dois singles, "Sign Your Name", versão do tema de Terence Trent D´Arby, e "Time of The Season", originalmente dos Zombies. Entre os amigos convidados para este último disco, estão dois nomes que, por aqui, em Portugal, têm alguma popularidade: Jens Lekman e Robyn. Lekman participa na versão de um tema da sua autoria e Robyn numa versão de "I´ve Got Your Man" da jamaicana Marion Hall (aka Lady Saw).

Apesar de ser o tema mais longinquo da carreira das Sweptaways, gosto muito do vídeo (realizado por Magnus Renfors) e da versão de "Wuthering Heights", por isso, aqui fica. Logo a seguir, vão ver o vídeo das Sweptaways com Jens Lekman, do disco mais recente, com o tema, de Lekman, "Happiness Will Be My Revenge".

The Sweptaways - "Wuthering Heights"





The Sweptaways - "Happiness Will Be My Revenge"


Morrissey Fala

Pela inteligência e sempre brilhante sentido de humor de Morrissey, e a sua modéstia, falsa ou não, não resisto a publicar o que ele escreveu hoje no seu MySpace.


"We Will Resume

I am very pleased to confirm that we will resume at Luxembourg this coming Friday (5 June), absorbed and collected. I have been reconstructed by a Wiltshire hospital and I am as close to good health as I'm likely to get.

I apologize to everyone caught up in the to-ing and fro-ing, but the disappointment of postponement is less than the disappointment of hearing me sing on one engine.

I should stress that nothing has been canceled. The four London concerts are repositioned in July, and both Birmingham and the Royal Albert Hall are October fixtures. I've endured a titanic struggle against an intolerable virus lately, and although Hull, Hartlepool and Manchester were nights that comprised a whole life, the physical limits were reached. False notes crush the soul.

Besides Luxembourg and beyond, I am excited about the October release of Swords, which is an 18-track compilation of b-side of singles from the last three albums. This will be a Polydor release.

Thanks to everyone who bought 'Years of Refusal'. We were the number one seller in the UK for the week of release, but, as with 'You Are The Quarry' and 'Your Arsenal', we were booted off the number one spot on the last hour of the final day. We cried.

I would like to point out that some passable creature is using my name and sending sharply chiseled replies to people via Twitter, MySpace and Facebook. This person is not me. Not enough happens in my life that I would wish to share it with others. I do not scan these sites – or whatever they are - so I can only hope that whoever is posing as me is at least worth talking to. Beware of false imitations.

Thanks for reading these unvarnished facts, and thanks for giving us some greatly enjoyable nights on the Refusal tour.

Absolutely yours,

Morrissey"

http://tinyurl.com/l5e4jd